Pesquisar

Na Feira de Frankfurt, Brasil homenageia livro impresso

"O livro é cada vez menos de papel, mas faz parte de uma história de 500 anos."


Preparativos. Repare na parte superior feita de papelão.
A Feira de Frankfurt é o maior evento no ramo editorial do mundo. E o Brasil foi convidado de honra pelos organizadores e resolveu ousar no pavilhão reservado. Em uma área de 2.500m², o ambiente foi totalmente feito de papelão!

Enquanto o mundo debate o mundo digital se apoderando, os brasileiros mandaram bem com essa iniciativa. A decoradora brasileira Daniela Thomaz disse que não foi por motivo ambiental. A Feira será iniciada amanhã (09) e contará com autores brasileiros renomados, onde os visitantes poderão realizar perguntas e obter respostas sobre a carreira e as personagens dos escritores.
É algo realmente fantástico e arrisco dizer que o Brasil representou muito bem seu papel de convidado de honra ao se apresentar dessa maneira. É bom saber que em um evento de reconhecimento internacional o nosso país teve consciência em representar o bom e velho livro de papel. Infelizmente sabemos que falta pouco para os livros digitais se tornarem maioria, mas de momento, sinto-me orgulhoso deste Brasil.

O Menino Maluquinho também fez presença nessa festa toda e a música ganhou um espaço. As pessoas podem relaxar em uma rede enquanto escuta em um head-phone músicas brasileiras que marcaram época. As vastas estantes com obras brasileiras foi o que eu mais gostei e, sinceramente, daria tudo para estar em Frankfurt para participar todos os dias da Feira.

Nisso podemos nos orgulhar: o Brasil, como convidado de honra do maior evento editorial do mundo, representou sua cultura com um ambiente de papelão e valorizando o livro impresso.

2 comentários :

  1. Nossa que show. Eu sabia da feira e ate surgiu alguns boatos sobre ela, por causa do autor Paulo Coelho estar indignado por não chamarem uns autores, mas isso não vem ao caso. O que nos interessa é que finalmente o BRASIL soube como se destacar e mostrar nossas obras, que cá entre nos...estão cada vez mais MARAVILHOSAS.

    Beijokas Ana Zuky

    Se pensarmos direito, é exatamente isso que vai acontecer. Pois nossa linguagem sempre esta se inovando, com novas pronuncias, etc... Mas vou dar o credito a Camila, eu não aguentaria ler algo que estivesse escrito 'cê'.
    Tá certo que esta nova maneira de falar e escrever é errado, porem o que você levantou Gunnar é a realidade, é o que vai acontecer daqui a uns bons anos(só espero que demore bastante, para não precisar ver isso.hahahahahahahahahahahahahahahahaha).
    A forma de você abordar este assunto é bem interessante, é algo para se pensar e discutir.

    Beijokas Ana Zuky

    Blog Sangue com Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EXATAMENTE, Ana. O Brasil está sendo privilegiado cada vez mais com novos autores talentosos. Fez bem em representar desse jeito nosso país lá em Frankfurt.

      Beijos!

      Excluir