Breaking

23/04/2019

Aprenda a criar games mobile


Com os smartphones cada vez mais potentes, jogos carismáticos e divertidos surgem para as plataformas mobile. Aqui no Brasil, de acordo com a pesquisa Games Brasil 2018, é a plataforma predominante quando o assunto é games, desbancando consoles e PCs.

Isso abre um grande leque de possibilidades para a indústria brasileira de desenvolvimento de jogos. Cases de sucesso como o de Horizon Chase servem de inspiração para pessoas que sonham em desenvolver o próprio jogo.

>> Clique aqui e aprenda a desenvolver seu jogo mobile e a publicar na PlayStore e Apple Store.

Pode parecer que não, mas o Google Stadia pode aumentar ainda mais essa fatia, pois muitos optarão por assinar o serviço ao invés de obter um console ou PC gamer. Dessa forma, esse tipo de usuário é mais propício a consumir jogos também através das plataformas mobile.

O mercado de jogos para smartphone é muito promissor e para quem tem o sonho de criar e publicar seu próprio jogo, mostra ser o caminho ideal para iniciar na indústria. Então como dar o pontapé inicial e criar o primeiro projeto?

É necessário um pouco de conhecimento técnico, claro, mas não somente isso. Entender como funcionam as plataformas de publicação também é importante. O curso de desenvolvimento de games mobile existe para preencher esta lacuna e ser a primeira ponte de ligação entre o usuário/gamer comum e a indústria de produção de jogos independentes.

O curso é aplicado por Daniel Valadares, fundador e presidente da CN Games, que já ultrapassou a marca de 15.000 downloads na PlayStore. É todo em videoaula para que seja possível reassistir quantas vezes quiser.

>> Clique aqui e aprenda a desenvolver seu jogo mobile e a publicar na PlayStore e Apple Store.

Uma grande vantagem é que o curso também aborta a área de empreendedorismo, mostrando como tornar essa habilidade/hobbie uma fonte de renda alternativa, de forma que torná-la uma renda principal depende apenas da pessoa.

Fontes: Canal Tech.

Nenhum comentário:

Postar um comentário