Breaking

19/02/2018

Você precisa conhecer Monster Hunter

Franquia volta ao PlayStation e não obriga o jogador a conhecer os outros jogos, mas com certeza é importante para bagagem cultural.



Lançado ao Playstation 4 e ao Xbox One em 26 de janeiro de 2.018, Monster Hunter World teve uma repercussão que me deixou em alerta. Se tornou o jogo que vendeu mais rápido na história da Capcom! Eu nunca tive o prazer de jogar de verdade algum jogo dessa franquia, mas o hype estava tão alto que eu decidi conhecer um pouco mais sobre o universo - e agora compartilho com vocês as impressões iniciais. Pelo fato de eu não ter o console da Sony e nem o da Microsoft (e de a versão para PC ter sido adiada), as informações que tenho são totalmente superficiais, então não vou falar sobre a experiência de gameplay, e sim sobre a iniciação a essa maravilhosa franquia da Capcom.

Caçador de Monstros. Essa é a tradução do título do jogo, e a expectativa compensa. O que você mais faz é caçar vários monstros, realmente. E para ser um bom matador, precisa se equipar devidamente, o que significa que os melhores recursos devem ser comprados na lojinha (vou chamar de lojinha mesmo porque estamos analisando aqui a essência da série).

Os monstros são incríveis, assim como as batalhas, o que te faz ansiar pela evolução. Jogando online a experiência fica extremamente mais interessante. A única vez que joguei - por cerca de cinquenta minutos apenas no Nintendo 3DS - foi em rede mesmo, o que quase me levou a comprar o console da Big N.

É muito comum termos gamers brasileiros que não conhecem tão bem o título porque Monster Hunter World é o primeiro da franquia que está realmente voltado à distribuição mundial - tanto é que o lançamento foi simultâneo no Japão, Europa e Estados Unidos. Então na última sexta-feira eu encontrei um vídeo produzido pelo Voxel que mostra a evolução de Monster Hunter desde 2004. Para quem tem interesse em ser um conhecedor, o vídeo é o pontapé inicial. É bem superficial, mas a partir dele você toma nota da experiência de cada jogo e, de maneira geral, do conjunto total da obra. Dada a sua devida relevância, segue o vídeo em questão abaixo:



A melhor parte de Monster Hunter World é que ele é bem acolhedor aos que nunca jogaram. Como eu disse, é o primeiro realmente voltado à distribuição mundial, então a Capcom fez um ótimo trabalho para o jogador de primeira viagem não se sentir perdido.

Vale a pena experimentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário